Feriado terá movimento menor nos aeroportos do que em 2017


Por Redação

14/11/2018  às  14:46:51 | Atualizado em 14/11/2018 - 17:52:53 | views 113


Antonio Cruz/Agência Brasil

A Infraero estima que, prevendo uma menor demanda dos aeroportos, as companhias aéreas reduzam em 6,94% a quantidade de voos comerciais


Cerca de 1,19 milhão de passageiros devem embarcar em voos comerciais dos aeroportos da rede Infraero de hoje (14) até a próxima segunda-feira (19), por ocasião do feriado prolongado da Proclamação da República, comemorada amanhã (15).

 

A expectativa é de que os viajantes encontrem mais tranquilidade no atendimento dos 47 terminais administrados pela estatal, já que a circulação esperada é 9,15% menor do que a registrada em 2017. No ano passado, a Infraero contabilizou 1,31 milhão de embarques e desembarques.

 

A queda no movimento se explica, segundo a empresa, porque o feriado deste ano caiu em uma quinta-feira, dia da semana que não teria tanto impacto na movimentação dos aeroportos. Quando o feriado se inicia em uma quarta-feira, a tendência é de que, nos dias seguintes, as unidades mantenham um fluxo de pessoas próximo à média regularmente registrada.

 

A Infraero estima que, prevendo uma menor demanda dos aeroportos, as companhias aéreas reduzam em 6,94% a quantidade de voos comerciais. Este ano, serão, ao todo, 10.460 voos comerciais, ante 11.240 pousos e decolagens realizados ao longo dos seis dias do feriado prolongado de 2017.

 

Como ficam os Terminais de Ônibus?

No estado de São Paulo, onde parte dos municípios suspende serviços por conta do Dia da Consciência Negra, comemorado na terça-feira (20), a expectativa é de um significativo volume de viagens, tanto nos aeroportos quanto via malha rodoviária.

 

Os terminais rodoviários Tietê, Barra Funda e Jabaquara, na capital paulista, preparam-se para receber 902 mil pessoas, entre hoje e a próxima quarta-feira (21). De acordo com a Socicam, empresa que administra as unidades, haverá picos de movimento nos dois primeiros dias do feriado, quando 153 mil pessoas devem deixar São Paulo. A recomendação é de que os passageiros evitem os embarques hoje, entre 20h e 23h, e amanhã (15), entre 8h e meio-dia.

 

A companhia indica ainda os destinos mais procurados por passageiros que embarcam nos três terminais, de modo a alertá-los para que garantam, com antecedência, suas passagens. Os destinos são: Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Florianópolis, Curitiba e Belo Horizonte. Apesar do conselho, a Socicam assegura ter reforçado sua frota para os dias 14 e 15 de novembro, com 1.228 ônibus extras. Caso haja necessidade, mais veículos poderão ser disponibilizados.

 

Muitas pessoas também devem passar pelo terminal rodoviário Ramos de Azevedo, de Campinas (SP). Ao todo, 169 mil passageiros são esperados durante o feriadão, sendo que só deverão enfrentar mais filas durante os dois primeiros dias do feriado, momento em que 28 mil pessoas partirão da cidade interiorana.

 

A Socicam informa também que outras 40 mil pessoas terão como ponto de partida o terminal rodoviário interestadual de Brasília. Para atender aos clientes da capital federal, a empresa coloca em circulação, entre hoje e amanhã, 13 carros extras. Os principais destinos dos passageiros candangos são: Caldas Novas, São Paulo, Goiânia, Belo Horizonte e Salvador. (Com Agência Brasil)



Comentários desta notícia 0



Comentários - ver todos os comentários


Seja o primeiro a comentar!

© Copyright 2002-2018 SEGNEWS - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Rede SegComunicação. SEGNEWS e SEGWEB são marcas da BBVV Editora Ltda, devidamente registradas pelas normas do INPI — Instituto Nacional da Propriedade Industrial.