Criador do protocolo WWW leiloa código original por R$ 27 milhões


Por Redação

03/07/2021  às  09:40:28 | | views 5892


© Marcello Casal Jr/ABr

“A internet continua pública”, tranquiliza a casa de leilões Sotheby’s


Criado pelo britânico Tim Berners-Lee em 1989, o protocolo WWW (World Wide Web) foi o primeiro sistema a permitir a navegação entre arquivos e links em computadores através de uma rede de dados.

 

Agora, 32 anos depois da invenção que tornou possível a internet moderna, a casa de leilões Sotheby’s e o próprio Tim Berners-Lee venderam como cripto-ativo uma representação do que seria o código-fonte do protocolo, ou seja, uma espécie de certificado digital de propriedade que usa a mesma lógica de criptomoedas como o Bitcoin e o Ethereum.

 

O arremate foi feito na última quarta-feira (30), pelo valor de £ 2,9 milhões - o equivalente à US$ 5,4 milhões. Com isso, o arrematante pode se considerar o único proprietário de uma versão autêntica do código original da internet.

 

FILE PHOTO: FILE PHOTO: World Wide Web founder Berners-Lee delivers a speech at the Bilbao Web Summit in the Palacio Euskalduna.
 Tim Berners-Lee - Reuters/Vincent West/Direitos Reservados

 

“Através dos séculos, a humanidade viu uma sucessão de mudanças de paradigma que nos trouxe à era moderna. Nenhuma teve o impacto sísmico em nossas vidas diárias como a criação da rede mundial de computadores. A invenção de Sir Tim mudou tudo”, diz o texto de apresentação do leilão.

 

Internet privada?

Mas isso não significa que a internet passou a ter um proprietário, explica a Sotheby’s nos termos do leilão.

 

Segundo a empresa, o arremate equivale à compra de “um raro e significativo exemplar de livro, como a primeira edição manuscrita de A Origem das Espécies, de Charles Darwin. O advento de NFTs [tokens não-fungíveis, na sigla em inglês] tornou possível provar que arquivos digitais também podem ser originais”, informa. O comprador do ativo digital não significa qualquer mudança ou restrição no uso da internet ou dos protocolos que viabilizam a comunicação entre computadores.

 

Os lances iniciais começaram em US$ 1.000 e renderam para o chamado pai da internet cerca de R$ 27 milhões. O nome do vencedor não foi divulgado, apenas o conteúdo do lote que foi comprado. Além de um poster digital contendo todas as 9.555 linhas de código do protocolo WWW, um vídeo de 30 minutos do código sendo escrito, uma versão do código que contém os horários originais de concepção linha a linha e uma carta do criador da internet endereçada ao arrematante.

 

NFTs

A tecnologia de tokens não-fungíveis - uma forma de verificação de autenticidade digital baseada em blockchain, a mesma tecnologia por trás das criptomoedas - foi inventada pelo próprio Tim Berners-Lee em 2014. (Com Agência Brasil)



Comentários desta notícia 0



Comentários - ver todos os comentários


Seja o primeiro a comentar!

© Copyright 2002-2019 SEGNEWS - Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Rede SegComunicação. SEGNEWS e SEGWEB são marcas da BBVV Editora Ltda, devidamente registradas pelas normas do INPI — Instituto Nacional da Propriedade Industrial.